Assuntos de Goiás TV

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

Renúncia de Genoíno na Câmara foi gesto de 'mágoa' do PT

Genoíno renuncia ao mandato para evitar cassação
A fala de André Vargas (PT-PR) estava em linha com a declaração colocada por Genoíno em sua carta de renúncia, na qual afirmou ser alvo de da "transformação midiática em espetáculo" de um processo de cassação.
Eduardo Henrique Alves ignorou o protesto de André Vargas e conduziu a votação no colegiado de sete membros. Quando o placar estava com quatro votos a favor do processo de cassação e apenas dois contrários - o de Vargas e de Biff (PT-MS), o vice presidente jogou a toalha apresentando a carta de renúncia.
Leia mais: Renúncia de Genoino na Câmara foi gesto de 'mágoa' do PT - Política - iG

Seguidores